Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

embuscadamaternidade

Diário de alguém que sonha ser Mãe e tem o difícil papel de tratar a infertilidade por tu.

Diário de alguém que sonha ser Mãe e tem o difícil papel de tratar a infertilidade por tu.

embuscadamaternidade

23
Ago15

E tudo o tempo muda :P


Embuscadamaternidade

Longe se vão os dias de sossego e esperança de que tudo vai melhorar! Pois é mesmo assim, os miúdos continuam santos mas não se livram dumas valentes prisões de ventre! Ou seja a pequenita que fazia dilúvios há muito que só faz de dois em dois dias e somente estimulada, ele a mesma coisa, é desesperante. Choram com razão. E eu sofro cada vez que vou forçá-los. São muito pequeninos coitados e eu sempre com o tudo do babygel (sem gel) ali a rodar a rodar e pernas para cima, terrível. De madrugada são mais ou menos fáceis. Fazem dormidas de quase 7 horas e eu não os acordo... imaginem que começam pela 23 e vão até às 5 e 6 da manhã, todos os dias/noites são diferentes mas há sempre um intervalo de madrugada de pelo menos 5 horas. Confesso que com o primeiro nunca tive esse descanso. De qualquer forma ando a dormir em pé e cansaaaaada. Tenho uma ajuda espectacular e única dos meus pais. Neste momento a minha mãe (e o meu pai) ficam com a bebé (que é mais fácil) no quarto dela à noite e eu com o menino. O meu marido continua noutro com o mais velho. Uma desorganização organizada. Não sei como vou pôr isto tudo no sítio nem quando mas por agora é assim e não me interessa ouvir teorias de pseudo especialistas ou sermões de quem julga que tudo sabe. Cada realidade é diferente e em nossa casa mandamos nós. Todos damos com certeza o nosso melhor dentro daquilo que sabemos e achamos razoável.

Não é facil ter três putos pequeninos ao mesmo tempo especialmente quando um deles é como o meu primogénito. Bem nem vos passa... eu ando para vir cá há seculos tenho sempre tanta coisa que adorava partilhas mas tem sido humanamente impossível. O mais velho teve mais de duas semanas em casa e foi o verdadeiro caos. O meu marido meteu férias em simultâneo e foi o que valeu alguma coisa. Tirava-o de manhã cedo e voltavam a meio da tarde, mas bastava essas horas para ficarmos de rastos e a desesperar com o tamanho das asneiras. Ele é o terrorista mor, destroi tudo por onde passa, tipo tornado! Não, não estou a exagerar! E também não não adianta castigar, falar alto, bater, negociar, ralhar... nada resolve fica na mesma, na mesma. Uma canseira e pior quando voltou para o colegio (que adorava) reagiu mal. Ora por essa não esperava deu noites piores berrou por mim parece que soltou aquilo tudo que andava lá dentro. Bem tudo não ainda guardou algumas coisas (:P)... vi me e desejei-me e agora a uma semana de terminar de vez nesse colégio e mudar para o jardim de infância tenho cá um nó na garganta... Parece que as mudanças nunca acabam. Ele já é um instável então assim meu Deus. É super puxado para a criança e nós vamos todos de arrasto. Um dia vai ler isto e rir-se certamente e eu vou ter tantos cabelos brancos que o dinheiro não chegará para tapá-los!

Quem me dera ter uns dias de férias... ainda agora fugi para o quarto! Estive duas horas (depois de despachar o AM) com os pequenitos ao colo, ora mamava um ora outro, ora arrotava um ora outro, ora fralda ora choro ora bolsa ora esperneira de cólicas bem nem sei explicar o desespero, a impotência os neeervos!

Mas pronto fugi tirei uns minutos vim para o quarto. Fechei-me aqui e estou a escrever-vos se assim não for endoideço.

Os gémeos estão óptimos fora as barriguitaá. Cresceram bastante, ele já a apanhou praticamente. Ha duas semanas foram à pediatra e ela estava com 51 e ele com 50,5cm. os pesos diferem mais ele nos 3,5kg e ela menos uns 200 e tal gramas. Ela é super magrinha ele está bem bochechudo! Ele tem tudo a ver com o meu mais velho (espero que no feitio não ahahahha) ela já é bem diferente sai ao lado do pai. Eles são muito fofinhos! Mas eu também sou por isso preciso de mimo, descanso relaxe! AHAHAH. A única coisa que faço é vingar-me na comida o que piora tudo em vez de ir à linha encho-a.

Entretanto já temos carro novo, um C4Grand Picasso, uma grande banheira que leva tudo e mais alguma coisa. Já juntei os ovos e a cadeira no banco de trás vão os três juntos. Tenho de reconhecer que vou numa aflição porque o mais velho só asneira e tenho medo que os magoe mas preciso de arriscar e habituá-lo. Não posso andar sempre a protegê-los e afastá-los senão cada vez é pior.

Tenho de ir antes que ele deite a casa dos meus pais abaixo, meu Deus que terrorista!

Ai que vida, que maratona... um dia, espero, respirarei de alívio ao olhar para trás e direi mas que família tão bonita a minha!

Beijinhos!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Visitas

free counter

Estatísticas


Estatisticas Gratis

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Agora