Diário de alguém que sonha ser Mãe e tem o difícil papel de tratar a infertilidade por tu.

.posts recentes

. Olá! Então essas férias?

. Terapias, trabalhos, cans...

. Nova busca nova esperança

. Diagnóstico quase confirm...

. Longe de nós...

. Parar, pensar e saborear....

. Novidades nossas!

. A vida corre e não olha p...

. Nó na garganta, coração a...

. Os primeiros passos da fi...

.arquivos

. Agosto 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

Domingo, 8 de Novembro de 2015

4 meses o arranque de problemas?

Estes tempos têm sido a loucura! Os meus bebes chegaram aos 4 meses sem problemas uma grande alegria!mas para contrariar nessa mesma semana o irmão ficou bastante doente com uma infecção virica e uma conjuntivite virica. Foi há mais de uma semana e ainda mantém a tosse de cão. Ora portanto António em casa é sinónimo de terror! Nem com 40 de febre o miúdo pára,como é possível? Mas o meu desespero não é ele não ficar quieto é ele não fazer asneiras. Bem eu nem consigo descrever a impotência que sinto face ao comportamento dele. Piora de dia para dia é altamente destruídor o miúdo. Não passa literalmente dois segundos sem fazer uma asneira e das grandes. Não daquelas que nos dão vontade de rir depois mas daquelas que já não toleramos. Risca e parte tudo berra bate está duma agrassividade nunca antes vista e é de manhã à noite assim. Acordamos a ralhar e deitamo nos a ralhar. Muitas mães se queixam de birras mas isto vai lá vai, não são birras isto é o cúmulo da destruição e da brutalidade. Nada resulta nem gritar castigar bater falar nada de nada. Enfim uma angústia. Como se não bastasse no final da doença dele o pequenino também ficou e posso dizer vos que depois de ir as urgências com ele também estamos agora aqui a fazer nebulizacoes atrás de nebulizacoes medicamentos e etc um desespero. No dia em que completa os 4 meses vou com ele para o hospital tão triste... É tão pequenino e já está encharcado em medicação. Tem qualquer coisa como laringite e início de bronquiolite. E esta bravo só chora come mal tosse até se entalar fica vermelho do esforço um stress. Ainda não resolvi a 100% o problema do mais velho que continua com tosse de cão e agora tenho este também. Com a irmã nem tenho estado quase nada separei os para ver se ela se safa mas está a ser bem difícil. Por isso vos digo quatro meses de pura alegria com os pequeninos, uma benção dos céus em todos os sentidos! O outro está para esquecer, embora o ame profundamente é mais que tudo, está a ser insuportável de aturar e de lidar com ele. Há coisas que não acho lá muito normais não sei se terei de investigar ou se acredito que é apenas uma fase gigante de mau comportamento. Uma angústia só vos digo falar para ele é o mesmo que nada... Amo muito os meus filhos não os trocava por por nada deste mundo mas emprestava por uns dias o mais velho ahahahha. Não levem a mal o meu comentário mas afinal vocês ouvem os meus desabafos mais íntimos tal e qual como quando pensam para vos e guardam. Eu em vez de guardar escrevo é só isso. Beijinhos a todos e desejem boa melhor sorte porque para estes lados não tem abundado, embora não me possa queixar claro acima de tudo e de todas as trapalhadas e stresses somos uma família feliz. Beijinhos e vou ver se os fuminhos já terminaram para tentar dormir mais um pouco!


publicado por Embuscadamaternidade às 05:29

link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Anónimo a 8 de Novembro de 2015 às 10:40
Bem não está a ser fácil... O mais velho como já era um pouco irrequieto poderá estar a reagir ainda ao nascimento dos irmãos, não??? Eu acho que o melhor seria uma consulta de psicologia pediátrica, para despistar alguma hiperactividade e aprender técnicas para contornar o ciúme se calhar? eu com os meus gémeos com 3 anos tb tenho dias em que parece que tudo o que faço é ralhar, mas apesar disso não fazem coisas assim mt mt graves..mas há dias que são mais difíceis que outros. Admiro-te mt e desejo que descubras como acalmar o teu pequenito maior para teres um pouco mais de harmonia em casa. Acho que fazes mt bem em desabafar e ninguém tem direito de julgar, faz bem por cá para fora as nossas angústias, alivia...
As melhoras para os dois rapazinhos
Beijinhos
Lia


De Embuscadamaternidade a 25 de Novembro de 2015 às 23:33
Olá Lia, as coisas estão melhores!
Já me passou pela cabeça alguma hiperactividade sim, mas agora já penso que não pode ser ou esta semana não andasse a ficar parado no ipad prai uma hora :D
Tudo acalmou, foram dias muito difíceis e rebentei aqui, ele consegue ser desgastante, mas ao mesmo tempo é o filho mais espectacular que podia desejar.
um beijinho e vamo nos cruxando por aqui, tudo de bom para aí pra casa :D


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Visitas

free counter

.Estatísticas


Estatisticas Gratis

.Agora

blogs SAPO

.subscrever feeds