Diário de alguém que sonha ser Mãe e tem o difícil papel de tratar a infertilidade por tu.

.posts recentes

. Olá! Então essas férias?

. Terapias, trabalhos, cans...

. Nova busca nova esperança

. Diagnóstico quase confirm...

. Longe de nós...

. Parar, pensar e saborear....

. Novidades nossas!

. A vida corre e não olha p...

. Nó na garganta, coração a...

. Os primeiros passos da fi...

.arquivos

. Agosto 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

Segunda-feira, 26 de Março de 2012

Voltei!

Desculpem a ausência, mas vai cada vez mais começar a ser assim... Tenho tido dias muito ocupados.

Bem relativamente ao último post... devem estar a perguntar-se que susto é que eu apanhei, por isso vou contar-vos.

Na sexta-feira passada, enquanto preparava o pequeno-almoço tive uma dor forte no útero, ao ponto de me obrigar a sentar. A primeira coisa que imaginei é que são os meus famosos gases e afins, mas tudo piorou no meu pensamento quando fui ao quarto de banho e vi minúsculas, ainda que quase indetectáveis, pontinhas de sangue. Imaginem uma agulha a picar-vos o dedo, pronto o sangue que ficou na pontinha da agulha era o que eu tinha no papel higiénico. Em dois ou três sítios diferentes. Primeiro desvalorizei, aliás até me distraí, pois tive consulta, nessa manhã, com a médico de família... lá, comentei o sucedido e ela pediu-me que repousasse durante o fim de semana. Fiquei um pouquito mais preocupada confesso. Continuava a urinar e a deixar aquelas pontinhas de sangue vivo, mas quase invisíveis no papel... De tarde ligaram-me da minha ginecologista para marcar a próxima ecografia e eu comentei o que se tinha passado. De imediato a minha médica mandou-me passar lá. Fiquei abananada, porque não estava a contar que achassem importante e fiquei mais nervosa ainda. {#emotions_dlg.serious}

E lá fui eu... olhem sabem o que mais? Não foi nada!! Suspeita-se que seja da medicação que ainda faço... a progesterona ou mesmo pela introdução das cápsulas, porque ela fez-me uma ecografia e lá estava o baby, tranquilo da vida, como se nada fosse.

Bem, o que é certo mesmo é que deu para matar saudades e ver que já tinha crescido mais uns milímetros {#emotions_dlg.happy}Gostei de saber que a bolsa onde está o líquido amniótico, ou seja o bébé, é enorme. Pois assim sei que tem muito espaço para se movimentar! Fixe, vai começar a nadar cedo como o resto da família!! {#emotions_dlg.tongue}

Saí da consulta muito mais calma, e a minha médica foi espectacular!! Assim já nao tive que me preocupar no fim de semana e passar mais horas angustiada!! Por isso é que sou a favor (desde que se possa está claro) de sermos seguidos pelo sistema privado, pois qualquer problema a qualquer momento eles estão sempre lá para nos atenderem!!

Entretanto, como referi anteriormente, fui ao centro de saúde anunciar que estou grávida e a médica de família insistiu que fosse seguida por lá. Eu sem saber o que fazer, após tamanha insistência, mesmo depois de ter dito que era seguida por particular, vim-me embora com uma carrada de exames recomendados por ela. Enfim agora tenho de resolver este dilema, porque não quero estar a ser seguida em dois sítios e fazer ecos a dobrar e análises isso até deve fazer mal!! Provavelmente vou desistir de ser acompanhada pelo Estado, apesar de perder alguams regalias, como massagense aulas pré-parto{#emotions_dlg.sidemouth}.

Enfim, o que tinha para vos dizer era isto, agora claro que abreviei, mas mais importante é que dia 17 de Abril completo as 12 semanas!! Já falta poucoooooooooooo, e aí vou ver o meu bébé em grande forma, se Deus quiser! {#emotions_dlg.kiss}

Neste momento sinto-me bem fisicamente, aliás como já não me sentia há muito tempo, desde o começo do tratamento, das injecções. A minha barriga apesar de inchada já não me está a incomodar e começo a sentir-me de novo com mais forças e agilidade.

Um beijinho que tenho de sair agora!!


publicado por Embuscadamaternidade às 18:44

link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Rita a 6 de Março de 2016 às 22:23
Fiquei comovida com o seu artigo.
Obrigada.


De Embuscadamaternidade a 2 de Abril de 2016 às 15:22
Muito obrigada Rita, fico tão feliz quando sei que alguém me lê :-) um beijinho


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Visitas

free counter

.Estatísticas


Estatisticas Gratis

.Agora

blogs SAPO

.subscrever feeds